Larga quem não te agarra …

18033218_1456299191071527_7818592814507520870_n

 LARGA QUEM NÃO TE AGARRA

.. Li isto algures na internet, acho que é um livro, no entanto só o título reflecte tudo na vida, amor, trabalho, projectos, amigos …

Larga…
Larga quem não te agarra, quem não te dá a mão, quem não te quer ao lado e faz de ti gato sapato só para encher seu ego.
Larga quem te maltrata, quem te goza e te humilha.
Larga o que não te faz sentir bem, o que te sufoca e te deixa desconfortável.
Agarra …
Agarra quem te ama, quem te quer, quem te proteja ..
Agarra quem luta a teu lado … quem espera por ti …
Agarra quem merece …

O resto ?
O resto que se lixe !

Fujifilm X10 … uma moderna num corpo vintage

Gosto de épocas vintage, oldies… aliás, em várias conversas friso sempre que nasci na época errada, deveria ter nascido nos anos 40/50 … Harleys, Rock’n’Roll, e máquinas fotográficas Vintage … como esta, a Fujifilm X10.
Numa conversa com o meu amigo João que já vai na 3 vintage analógica e digital, e possuidor da X10 e da XT100, mostrou-me a beleza de ter um brinquedo destes… confesso que não me consigo separar da minha DSLR Nikon … mas saber que estas meninas são uma all-around discretas, que vão a todo o lado e que se batem com as melhores deixou-me aguado.

A X10 vai-me ser emprestada em breve … depois farei um post com uma review prós e contras… mas por agora deixo-vos com uma imagem sexy e apetecivel 🙂

Cheers,
Dom

fujifilm-x10-camarasdigitalesonline-6

 

Aventuras Fantásticas … Traça o teu destino !

AF-destaque-610x240

… Se quiser lutar vá para 178. Se quiser tentar fugir vá para 96.

É assim que embarcamos numa aventura fantástica, saltando de numero em número e tentando acabar a aventura sem perder muitos HP (pontos de vida) . Aventuras fantásticas ou no título original Fighting Fantasy é um livro/jogo de RPG a solo, criado por 2 génios: Ian Livingstone e Steve Jackson’s.

popup_5b6aj9k405A primeira vez que tomei contacto foi com o livro A Ilha do Rei Lagarto (emprestado pelo meu vizinho) , lembro-me que nos primeiros minutos fiquei logo agarrado, passei uma tarde inteira de lápis, 2 dados e borracha na mão para jogar (aliás, o jogo requer lápis, 1 dado pelo menos e borracha para apontar na ficha de jogo), lembro-me de pedir ao meu pai para ir à papelaria fotocopiar a ficha de jogo para n estragar o livro e fazer eu as minhas próprias fichas de jogo numa folha quadriculada.

As aventuras são todas elas bastante interessantes e “viciantes” , sentimo-nos na pele do aventureiro, em que as decisões podem mudar o rumo de toda a história, aliás existem 3 ou 4 livros na colecção que tem 2 finais diferentes e caminhos alternativos, o que podemos jogar e acabar o livro de maneiras diferentes por percursos diferentes.

13317314_9rkPKO primeiro volume na versão Portuguesa/Verbo foi o Feiticeiro da Montanha de Fogo , e foi o primeiro que comprei logo a seguir de ter lido A Ilha do Rei Lagarto , apesar de ser fã, confesso que nunca consegui ter a colecção completa e agora aos 39 anos estou a tentar acabar. Existem livros raros, outros menos raros, mas como colecção que acabou e não voltou a ser impressa torna-se difícil acabar ou pelo menos ter grande parte.

Estes livros são (para quem gosta do género) a companhia perfeita para uma tarde de inverno enrolados no sofá, ou um final de tarde no verão em que não há muito para fazer, ou mesmo para se levar em viagem e ler no hotel..afinal só precisas de 1 dado, lápis e borracha…

O rever estes livros é recuar 2 décadas, e sentir-me de novo (como se tivesse deixado de ser) um Geek 😀

Neste momento a leitura é esta Mansão Diabólica

Para quem quer começar e não sabe por onde… existem vários sites na net com pdf, doc, docx, com aventuras do género.

http://www.ffproject.com/
http://fightingfantasy.com/
https://aventurasfantasticas.wordpress.com/

Colecção em PT  ( editado pela VERBO )

sa-001-31. O feiticeiro da montanha de fogo
2. A floresta da morte
3. A cidadela do caos
4. A nave perdida
5. A cidade dos ladrões
6. A masmorra infernal
7. A ilha do rei lagarto
8. O pântano do escorpião
9. A feiticeira das neves
10. A mansão diabólica
11. O talismã da morte
12. O assassino do espaço
13. O templo do terror
14. O planeta rebelde
15. Demónios das profundezas
16. A espada do Samurai
17. O desafio dos campeões
18. Os círculos de Kether
19. Máscaras de destruição
20. Comando robot
21. O castelo dos pesadelos
22. A cripta da feitiçaria
23. O viajante das estrelas
24. Os abismos do mal
25. Encontro com o M.E.D.O.
26. A arma de telak
27. Cavaleiro do céu
28. O ladrão de espíritos
29. A maldição do vampiro
30. Torre de devastação
31. Maré vermelha
32. Escravos do abismo
33. Exércitos da morte
34. A lenda dos cavaleiros das trevas
35. Regresso à montanha de fogo
36. O senhor do caos
37. Resgate em Arion
38. A maldição da múmia
39. A vingança do vampiro

…acreditar na humanidade!

De vez em quando aparecem-me no feed do youtube videos que me fazem acreditar que ainda não se perdeu totalmente a fé na humanidade, porque acho que não só o mau deve ser partilhado (e numa altura em que as cadeias televisivas só transmitem desgraças), acredito que o bom também deve ser partilhado.

Take my love … enjoy !

 

Franky Costanza – O Mago de Dagoba

Foi em 2014 no Paradise Garage que tive o privilégio de conhecer um dos melhores bateristas de Metal do Mundo. De seu nome Franky Costanza, surge-nos uma pessoa, simpática, de sorriso fácil, bem disposto, sem vedetismo e super amável.

Franky estava sentado no lounge…confesso que reparei nele, mas o “stress” de preparar a máquina para fotografar o evento, foi maior, ainda me lembro de ver a Paula a olhar para ele e a piscar-me o olho como quem diz “olha lá, ele é baterista de uma das bandas não é? ” .. sorri, e ele sorriu para nós, mas assim ficamos…
Desço para o Pit … ouço os primeiros acordes de When Winter  e vejo-o a subir ao palco … RAIOS … e não é que era ???

A energia contagiante depressa passou para o pit e consequentemente para o público …

Da noite … só boas recordações e uma foto que o Alexandre Paixão me tirou após o concerto com Franky.

Obrigado Franky

Salut,

franky_costanza